Olá Moçambique

ocupar o tempo com o que se passa em Moçambique

Jovens defendem Objectivos de Desenvolvimento do Milénio

A Associação Internacional de Estudantes de Ciências Económicas e Empresariais (AIESEC) considera que os jovens devem tomar a dianteira, no que diz respeito ao desenvolvimento de acções, visando atingir os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio no País.
Para o efeito, a AIESEC realizou esta sexta-feira, 27 de Março, um seminário denominado Juventude Milénio, durante o qual foi apresentado o relatório de actividades realizadas em 2014 e o seu impacto nas comunidades.
Segundo Rui Correia, vice-presidente da AIESEC, o encontro tinha como objectivo consciencializar os jovens universitários, e não só, sobre a necessidade da sua participação activa nas acções que estão a ser levadas a cabo para que o País atinja os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio, definidos pelas Nações Unidas.
Em relação ao balanço das actividades desenvolvidas em 2014, Rui Correia referiu que a organização construiu um aviário no posto administrativo da Matola-Gare e reabilitou a biblioteca da Escola Primária da Coop, para além de ter trabalhado com crianças e mulheres nas comunidades.
"O aviário vai ser útil para a comunidade em termos de rendimento e alimentação. Sobre a biblioteca da Escola Primária da Coop, para além da sua reabiliação, estamos a apetrechá-la com a ajuda dos nossos parceiros do Brasil e de Portugal", explicou o vice-presidente.
Mais adiante, Rui Correia referiu que a AIESEC também recebeu 350 estagiários estrangeiros e trabalhou nas áreas da Saúde e Educação, o que permitiu atingir cerca de 3.000 crianças e 200 mulheres.
Em relação aos planos para o presente ano, a organização espera receber 255 estudantes estagiários e trabalhar nas áreas da saúde, educação de crianças, capacitação de jovens, saneamento, cultura, entre outras.
Importa realçar que a AIESEC é uma organização internacional presente em mais de 2.100 universidades de 125 Países, formada por 100 mil membros activos, entre estudantes universitários e licenciados. Em Moçambique, a mesma implantou-se há seis anos, estando neste momento representada em 17 instituicões de ensino superior e universidades nas cidades de Maputo, Beira e Nampula.

No foto: Rui Correia, vice-presidente da AIESEC

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 27 de Março de 2015 by in Moçambique.

Navegação

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.934 outros seguidores

Arquivos

Olá Moçambique

%d bloggers like this: