Olá Moçambique

ocupar o tempo com o que se passa em Moçambique

Uma oportunidade ímpar de arranjar emprego

Finalmente, as empresas moçambicanas terão uma boa oportunidade para colocar os mais talentosos profissionais do mercado no seu quadro de pessoal. Ao mesmo tempo, os profissionais terão uma janela aberta para mostrar o que valem. A empresa Elite vai realizar o I Fórum de Formação Contínua e Desenvolvimento de Carreira, em Outubro, na cidade de Maputo.

O sonho será realizado graças à Elite, uma firma com grande tradição no recrutamento e formação de pessoal. Presente em Angola desde 2008, a Elite entra para o nosso mercado a partir deste ano, com a realização do seu primeiro Fórum de Formação Contínua e Desenvolvimento de Carreira para Moçambique, que terá lugar em Maputo, entre 11 a 13 de Outubro.

A acção da Elite vai incluir fóruns de recrutamento; dias de recrutamento; procura e selecção; formação e desenvolvimento e outsourcing do processo de recrutamento; onde vão candidatar-se moçambicanos com grau de licenciatura ou mestrado (concluído ou por concluir em 2013), bem como profissionais com experiência comprovada.

A iniciativa promete ser o maior evento de recrutamento jamais visto no País, e será marcada por reuniões e por interacções diversas, entre empresas líderes de sector que operam em Moçambique e os melhores candidatos moçambicanos.

Durante três dias, esperam-se apresentações de temas como “Importância da mão-de-obra nacional”, pelo Ministério do Trabalho; “Encontrar os líderes de amanhã, hoje!” pela Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA); Economia forte com candidatos locais”, pelo Banco de Moçambique; e Cerimónias de Networking e corporativas.

Concurso promete muita adesão

A Capital foi ao encontro de pelo menos dez estudantes de algumas Universidades em Maputo e os entrevistados já mostram uma certa ansiedade em poderem realizar-se a nível profissional.

“É a grande oportunidade de que disponho para aperfeiçoar conhecimentos na área em que me formei…vou candidatar-me”, disse Gildo Fernando, da Faculdade de Economia da Universidade Eduardo Mondlane. “Estou à procura de emprego há anos e esta será, de certeza, uma janela importante para conseguir esse objectivo”, revelou Ana Costa, da Univesidade Pedagógica.

De facto, é fácil perceber a dimensão da entrada da Elite no mercado moçambicano. As empresas têm dificuldades em encontrar recursos humanos com conhecimentos ajustados à sua estratégia de actuação. E o sector privado já veio várias vezes a público queixar-se deste facto.

Por outro lado, os profissionais de quase todas as áreas de actividade – senão todas – têm dificuldade em arranjar emprego. É dos problemas de que mais se queixam os cidadãos, sobretudo os jovens, e, segundo dados actuais do Instituto Nacional de Formação Profissional, a taxa de desemprego chega aos 22,5%.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 8 de Agosto de 2013 by in Uncategorized.

Navegação

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.934 outros seguidores

Arquivos

Olá Moçambique

%d bloggers like this: